quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Nós por cá


Terra agreste
Ceu azul
Montes e vales
Portugal de norte a sul
Situada na beira
Terra tão nossa
Aromas silvestres
Tão minha, tão nossa
Terra dura para tratar
Arvores de eleição
Faz suar a trabalhar
Para aos filhos dar o pão
Tudo é puro
Tudo é belo
Tudo é duro
Como o sincelo
Frias por natureza
Tão quentes no receber
Terras tão honestas
Do bom vinho para beber
Pão na mesa nunca falta
Quando alguém a casa vem
Bom presunto,bom queijo
Todo e qualquer amigo tem
Beira alta, beira amiga
Tu não te podes queixar
Apesar de muito fria
De ti continuamos a gostar.

3 comentários:

Victor Gil disse...

É assim mesmo querida Maria. Nunca deixes de ser beirã. Seja Alta ou Baixa, o nossa fria terra é linda, fria e forte com o granito que existe nelas. Linda homenagem fazes à tua BEIRA.
Beijos boa amiga e mais um desejo de Feliz Ano novo.
Victor Gil

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Maria, hoje em particular os meus votos de um ANO NOVO FELIZ onde os seus desejos contemplem a AMIZADE E O AMOR UNIVERSAIS, SEMPRE :)

Maria disse...

FELIZ 2O1O

QUE NESTE NOVO ANO

TRANFORME TODOS OS TEUS SONHOS E DESEJOS
NUMA REALIDADE PERMANENTE.

:)) BEIJOSSSSS COM MUITO CARINHO